Ambiente

Política do Ambiente


A Herdade dos Grous assume o compromisso de desenvolver a sua atuação, de modo a satisfazer os seus

clientes, bem como, da criação de um ambiente sustentável, de acordo com os seguintes princípios:

- Integrar o plano de sustentabilidade dos vinhos do Alentejo na gestão global da empresa;


- Cumprir com a legislação em geral e regulamentação ambiental aplicável, bem como os compromissos

ambientais que tenha assumido, procurando preparar-se antecipadamente para aplicação de novos

requisitos legais;


- Melhorar de forma contínua a eficiência e produtividade, bem como o desempenho ambiental e

sustentável das suas atividades e produtos, procurando prevenir e reduzir de forma sistemática os

respetivos impactes ambientais e privilegiando a adoção de melhores técnicas disponíveis;


- Planear ações para identificar, avaliar e tratar os riscos e oportunidades associados ao ciclo de vida

dos produtos.


-
Comprometer em proteger o ambiente, incluindo a prevenção da poluição, a mitigação e a adaptação

às alterações climáticas e a proteção da biodiversidade e dos ecossistemas;


-
Utilizar racional e eficientemente os recursos naturais e a energia;


-
Minimizar a produção de resíduos e privilegiar a valorização dos resíduos gerados, assegurando que os

restantes são encaminhados para o destino final adequado;


-
Atender à integração dos valores ambientais na avaliação de novos projetos e na tomada de decisões

relevantes para a evolução dos negócios;


-
Medir, monitorizar e avaliar continuamente o desempenho ambiental da empresa através de objetivos

de gestão pré-estabelecidos;


-
Influenciar os fornecedores de produtos e serviços a assumirem comportamentos e práticas ambientais

responsáveis. Será dada preferência a fornecedores que procurem a melhoria, eficiência e

sustentabilidade nas suas operações e no uso de recursos;


-
Investir na valorização pessoal e profissional de todos os nossos colaboradores, reforçando a

consciencialização e competências ambientais, individual e coletiva. Será reconhecido o esforço e boas

práticas dos colaboradores em ações de melhoria ambiental;


-
Incentivar as boas práticas agrícolas que, promovendo a rentabilidade económica da exploração, sejam

efectivas na conservação dos recursos naturais;


-
Cooperar e contribuir para o desenvolvimento de políticas públicas ou privadas e de programas

governamentais, e desenvolver, fomentar ou participar em iniciativas envolvendo os clientes ou a

comunidade exterior (autarquias, organizações não governamentais, escolas) que igualmente visem a

proteção do ambiente;


-
Divulgar a política e comunicar periodicamente aos colaboradores a evolução do desempenho

sustentável da empresa.